COMUNICAÇÃO  /  NOTÍCIAS DO SITE
 
Julian Nebreda, presidente da AES na América do Sul, defende liberdade para contratação de energia
07/11/2019 às 14:15 - Por: Silvia Pimentel e Juliana de Moraes
 
clique para ampliar
 
“A melhor forma de celebrar o aniversário de 20 anos da AES Tietê no Brasil é olhar mais de perto as perspectivas do mercado livre de energia, que traz para os clientes inúmeras vantagens em relação ao mercado regulado”, disse Julian Nebreda, presidente da AES para a América do Sul, durante o seminário “7º Energia em Foco”, promovido pela companhia, em 05/11 na capital paulista.
 
Para um auditório lotado – e que contou com a presença de Luiz Sergio Assad, diretor-presidente do SindiEnergia, e Vinicius Arantes, gerente de Relações Institucionais do Sindicato -, Nebreda ressaltou que a estratégia de negócio da empresa está apoiada em três frentes: mercado livre, sustentabilidade e tecnologia.
 
“Defendemos liberdade para contratação de energia pelos clientes de acordo com as suas necessidades e a oferta de soluções customizadas que proporcionem o uso eficiente e sustentável de energia. Afinal, a sustentabilidade é um imperativo moral da sociedade”, disse.  
 
Na sua visão, com a crescente demanda por soluções que agridam menos o meio ambiente, não é mais possível oferecer produtos e serviços competitivos sem considerar a questão da sustentabilidade, que também passou a ser um imperativo no mundo dos negócios. “As tecnologias de geração eólica e solar somadas aos sistemas de armazenamento com baterias já oferecem preços cada vez mais atrativos para o consumidor”, disse.  
 
 
Tecnologia
 
Durante o evento, o executivo informou que o grupo tem planos para trazer ao Brasil a Uplight, empresa de tecnologia criada por meio de um fundo de investimento, que visa oferecer ferramentas digitais e inteligência artificial aos clientes.
“Ao poder participar do mercado livre, além de liberdade para contratar a energia a preços mais competitivos e da garantia de que seja renovável, o cliente consegue ter o controle sobre o seu consumo quase que em tempo real, mas isso exige fortes
investimentos em tecnologia por parte da indústria”, concluiu, pontuando que a companhia aposta nessa área.
 
Perspectivas econômicas
 
Convidado para falar sobre os desafios e oportunidades para a economia brasileira, Carlos Sardenberg, jornalista e comentarista financeiro, avaliou que o país caminha para a recuperação econômica, ainda que de forma mais lenta que o esperado.
 
“O Brasil ficou por muito tempo totalmente fora do esquadro mundial, com gasto público altíssimo, uma sucessão de políticas econômicas malsucedidas e escândalos de corrupção”, justificou.
 
A nova política de contenção de gastos, aprovação da Reforma da Previdência, o consenso cada vez maior da necessidade de reformulação do sistema tributário, a tendência  de queda da Selic (taxa básica de juros), que deverá fechar o ano em 4,5%, além da ausência de sinais de volta da inflação são fatores que devem, na opinião do jornalista, impulsionar a economia depois de um período de recessão prolongada.
 
O futuro das renováveis
 
O seminário também contou com a participação de Luiz Barroso, CEO da PSR, que conduziu a palestra “Perspectivas e Evolução do Setor Elétrico: otimismo à frente”. Em sua apresentação, Barroso destacou que o maior desafio dos setores de energia eólica e solar é serem capazes de se desenvolver sob um marco regulatório de comercialização baseado na hidroeletricidade. “As renováveis impactarão o Brasil no futuro em diversas frentes”, previu.
 
Edição e revisão: 

Moraes Mahlmeister Comunicação   

 
 
 
Compartilhe: link: http://www.sindienergia.org.br/noticia.asp?cod_not=5218
 

Ver todas as notícias do site  |  Ver apenas notícias de: Empresas Associadas
 
 Deixe seu comentário
 
Nome
   
Email
Escreva seu comentário:
 
 
 
 
Ainda não há comentários
Seja o primeiro a comentar




09/04/2020- por Silvia Pimentel e Juliana de Moraes
6º Fórum GD Sudeste foi transferido para 22 e 23 de julho
O Grupo FRG adiou para os dias 22 e 23 de julho a realização do 6º Fórum GD Sudeste (Fórum Regional de...
09/04/2020- por Silvia Pimentel e Juliana de Moraes
Adiada para 18 e 19 de junho a Smart City Expo 2020, evento que recebe apoio do SindiEnergia
O iCities e a Fira Barcelona Internacional decidiram transferir a terceira edição do Smart City Expo Curitiba - prevista inicialmente...
09/04/2020- por Silvia Pimentel e Juliana de Moraes
Ecoenergy será realizado entre 23 e 25 de novembro
A Cipa Fiera Milano, organizadora da Ecoenergy, já têm definida a nova data de realização do evento, que estava previsto...

Julian Nebreda, presidente da AES na América do Sul, defende liberdade para contratação de energia
 
 
   Insira seu nome e email e receba as notícias do SindiEnergia
Nome:
E-mail:
Copyright © 2007/2020 - Todos os direitos reservados.
Sindicato da Indústria da Energia no Estado de São Paulo
Rua da Consolação, 2697 - 1º andar
CEP: 01416-900 - São Paulo - SP
Pabx: (11) 3081-1120
 


 
 
sem